Pular para o conteúdo principal

Comunicado importante

Caros associados,

Após a eleição realizada neste ano, alguns procedimentos precisaram ainda ser ajustados para que pudéssemos colocar a Associação em ordem. Por haver decorrido tanto tempo, vimos primeiramente fazer este contato para regularizar a situação de todos de forma mais rápida, uma vez que estamos chegando ao final de 2009.

O primeiro passo é sabermos quem tem interesse em continuar na Associação. Para isso, estamos enviando por e-mail a ficha para atualização cadastral. Entenderemos que, quem devolvê-la preenchida, irá continuar como associado e quem não devolvê-la, estará se desligando. Aproveitamos para reforçar que ano que vem será lançada uma nova edição do Catálogo de Associados e só poderá participar quem estiver em dia.

Pedimos que a devolução da ficha cadastral preenchida seja feita até 5/12/2009 para que haja tempo para emissão dos boletos ainda neste ano. Os associados estudantes que tenham concluído o curso e queiram continuar como profissionais devem enviar o diploma digitalizado juntamente à ficha cadastral.

Atualizado o cadastro, iremos emitir o boleto para o pagamento da anuidade de 2009. Lembrando que quem já está em dia ou está dispensado da contribuição por ter auxiliado com o projeto Novos Escritores, não receberá esta cobrança.

Ficou estabelecido em reunião da diretoria realizada em 28/11/2009 que a partir de 2010 a anuidade vencerá em março de cada ano e não mais em datas diversas, dependendo da época de ingresso do associado. Dessa forma o controle da anuidade será mais fácil para ambas as partes.

Aproveitamos para relatar as ações da Adegraf em 2009. Mesmo com poucas atividades abertas, diversas iniciativas foram realizadas:

- Convocação de eleições para troca da diretoria, uma vez que alguns membros precisaram se afastar.

- Atualização da Tabela Referencial de Valores.

- Atualização da Tabela de Cargos e Salários.

- Participação do Fórum Design Brasil e Brasil Design Week, em março, onde a Adegraf manteve importantes contatos e debates com outras entidades e associações acerca da regulamentação do Design, do desenvolvimento da atividade e do trabalho associativo.

- Apoio ao projeto Ceaids, formulando peças gráficas para divulgação de informações sobre prevenção à AIDS e doenças sexualmente transmissíveis, para as atividades desenvolvidas pelo grupo de empresários.

- Continuidade da parceria do Sindigraf, com a diagramação da revista Refile, desenvolvimento do material promocional do Prêmio Jorge Salim e criação e diagramação dos livros do projeto Novos Escritores.

- Participação no Fórum Design Brasil, em novembro, para reforço da união das entidades de Design e associações, quando foram tratados os seguintes assuntos: apoio oficial ao Programa Brasileiro de Design, que corre o risco de deixar de existir; apoio à Rede Design Brasil para unificação de informações sobre profissionais no Brasil; proposta ao Ministério do Trabalho de reformulação da Classificação Brasileira de Ocupações, incluindo todas as atividades relacionadas ao Design e possibilitando ajustes fiscais e abertura de linhas de crédito para o mercado junto ao BNDS; mapeamento da atividade no Brasil para criação de metas de desenvolvimento da atividade em nível nacional; formulação de uma agenda única de eventos no país; debates sobre criação de sindicatos regionais de Design; debate sobre a regulamentação da profissão, no sentido de ser mais importante a promoção das ações como as relatadas acima do que o caminho do projeto de lei que é dificultado pelo Governo.

- Assessoria ao processo de escolha da marca dos 50 anos de Brasília, que seria realizado sem a participação de profissionais da área de Design Gráfico.

- Parceria com os advogados Ricardo Mader e Ana Lucia Andrade, que farão a reformulação do estatuto da Adegraf e ajudarão a redigir o Regimento Interno, ainda pendente.

- Apoio ao evento DBest em Goiânia.

- Reuniões de diretoria

Lembramos que a atividade associativa é um trabalho voluntário, muito importante para que possam ser melhoradas as condições profissionais por meio da valorização da atividade de Design. Com postura ética, aperfeiçoamento profissional e demonstração de competência a conquista do espaço no mercado é natural. A Associação possibilita que isso aconteça de forma mais visível.

Esperamos que todos continuem apoiando essas atividades para que em 2010 a Adegraf tome um novo impulso.

Um abraço,
A Diretoria

Postagens mais visitadas deste blog

A Marca do Designer

Em 1986, após sua saída da Apple, Steve Jobs chamou Paul Rand – um dos mais influentes designers gráficos do século XX – para criar a marca de sua nova empresa, a NeXT. Desse projeto, Jobs tirou lições que, segundo ele, todo o designer, cliente ou empreendedor deveria considerar. Nesta entrevista, ele contou como foi trabalhar com Paul Rand e o que aprendeu com o designer.  Já nós, designers, podemos aprender com a postura profissional de Paul Rand, se posicionando como especialista para resolver o problema da empresa. Jobs o descreve como, “mais que um artista, um solucionador de problemas de negócios”. Steve Jobs desejava que sua nova empresa tivesse um símbolo que fosse imediatamente associado à marca – algo que leva muito tempo e dinheiro para acontecer na mente do consumidor. Segundo ele, Rand encarou o projeto como um problema a ser resolvido, e não como um desafio artístico em si.  "O significado de uma marca deriva da qualidade do que ela repr

ABNT disponibiliza primeira norma para serviços de design

Os serviços de Design tem sua primeira norma brasileira publicada, a ABNT NBR 16516 Serviços de Design - Terminologia , que conceitua os termos básicos do Design, e pode ser adquirida pelo site: http://www.abntcatalogo.com.br/sebrae/ Ela é fruto de dois anos de trabalhos da Comissão de Estudo Especial de Serviços de Design da ABNT (ABNT/CEE-219), uma parceria firmada entre a ABNT e o Sebrae, que contou com a participação de representantes de diversas instituições profissionais e de ensino do país (ADP, ADG, Adegraf, Abedesign, Prodesign-PR, Sindesign, ABD, Centro Brasil Design, Centro Minas Design, ABRE, Abiplast, Abinee, INPI, CAU, SEBRAE, PUC-PR, UERJ, SENAC, SENAI, UFPR, FAAP, UEMG e UniBH), e que também esteve aberta à participação pública pelos sites daquelas instituições. Os trabalhos da Comissão continuam em andamento, agora no desenvolvimento da norma ABNT NBR 16585 Serviços de design – Diretrizes para boas práticas , que está aberta para consulta nacional pelo site: http:/

Criação do Fórum Brasileiro de Design

Atenção: notícia exclusiva publicada em primeira mão pelo blog políticas de design hoje, dia 28 de novembro de 2008, foi criado, no centro design rio, o fórum brasileiro de design, entidade que se propõe a congregar as associações profissionais e acadêmicas e os centros de promoção de design brasileiros, estabelecendo, pela primeira vez, uma consonância de propósitos e atuações de toda a comunidade de design brasileira. o fórum brasileiro de design nasce da conclamação das associações reunidas durante a brazil design week, no sentido de se promover o alinhamento da atuação e de reivindicações, criando massa crítica e representatividade para se dialogar com o governo no planejamento e execução de políticas públicas de design e na realização coordenada de ações de promoção do design brasileiro. neste sentido, o fórum será um organismo supra-institucional, de representatividade conjunta de todas as associações e centros de promoção quando isto se fizer necessário. o fórum não pretende ser